quarta-feira, 31 de agosto de 2016

App promete economizar até 30% do combustível de carros

Delfos: o app libera alertas toda vez que o usuário acelera o carro ou esquece de trocar de marcha

Gastão Paro e André Vas estavam falantes dentro do carro. Eles tentavam explicar como seu aplicativo, o Delfos Telematics, funcionava. “Nós queremos que o motorista dirija de uma maneira extremamente econômica”, disse Paro. Perguntei como isso seria possível e a resposta que recebi de Paro foi um simples “já vou mostrar.”
Vas e Paro desenvolveram uma plataforma de monitoramento de carros que promete diminuir 30% do consumo de combustível. Segundo os idealizadores, essa redução acontece quando o motorista utiliza o automóvel de uma maneira eficiente. “Se ele acelerar muito e não trocar a marcha quando necessário, por exemplo, o veículo irá gastar mais gasolina”, explica Paro.
Para que isso não aconteça, eles criaram um aplicativoque envia alertas sobre a velocidade e a posição do pedal do acelerador para o motorista. No teste em que fizemos, Paro pisou no acelerador com força e o app automaticamente mostrou uma mensagem sobre a ação. Esses alertas podem ser personalizados e programados pelos usuários.
Além das mensagens, a câmera do celular é ativada de forma automática quando o motorista freia bruscamente. De acordo com Vas, o app entende que essa ação pode ser um indício de um acidente. Outro recurso de segurança da plataforma é o bloqueio da ignição do carro e das portas do automóvel. 
Essas e outras informações são captadas por um transmissor (criado pela Delfos) instalado no carro, que utiliza os sensores do próprio smartphone. Depois, elas são armazenadas na nuvem do Microsoft Azure e enviadas via Bluetooth para o aplicativo, que está disponível apenas para Android
O conjunto gigantesco de dados é sincronizado com uma plataforma que os analisa e os transforma em gráficos. Essa plataforma é relevante para empresas de frotas de carros, que precisam gerenciar centenas de motoristas. A solução encontrada para que eles sigam as orientações é a gamificação. Toda vez que os condutores dirigem corretamente, eles ganham pontos e podem disputar com os colegas uma corrida virtual. 
Assim, no final, o que Paro e Vaz querem é que o app eduque os motoristas. “Com o nosso serviço, queremos evitar que a jornada de trabalho seja desrespeitada e que os empregados usem o veículo da companhia de maneira indevida”, conta Paro. Ele também espera que a plataforma ajude o mundo. “Se diminuírmos o consumo de combustível, também reduziremos a emissão de carbono e de outros poluentes."
Até o momento, a plataforma foi disponibilizada apenas para companhias. Porém, Vas e Paro querem liberar o acesso para os usuários comuns até o final do ano.
Via: exame
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário