quinta-feira, 9 de novembro de 2017

5 Quadrinhos para Ler antes do Filme da Liga da Justiça


Os escritores bem conhecidos Mark Waid (Reino do Amanhã), Barry Kitson (Legião dos Super-Heróis) e Brian Augustyn (Crimson) re-imaginam a LJA original no cenário moderno. Esta série de 12 edições compiladas nessas 2 Edições da Editora Eaglemoss contam com Caçador de Marte, Canário Negro, Aquaman , Flash e Lanterna Verde são unidos por uma longa lista de heróis por breves aparições como Batman, Superman, Patrulha do Destino, os Falcões Negros, os Desafiadores do Desconhecido, e Arqueiro Verde em uma história de origem realista. Esta nova formação da LJA muda algumas personalidades mas nada que descaracterize o personagem como exemplo o Flash assumindo o controle da equipe recém-formada. O fato de que Batman e Superman não são o foco principal da história faz que essa plataforma da DC apresente alguns de seus outros personagens de maneira divertida.

2) LJA: A Nova Ordem Mundial

O escritor escocês Grant Morrison, conhecido por escrever Patrulha do Destino e Asilo Arkham, reúne os sete membros originais da LJA, colocando-os contra o Hiperclã, alienígenas orwellianos que vieram à Terra posando como um novo grupo de super-heróis. O público, procura por heróis, apoia-os em apoio à criação de uma sociedade utópica perfeita. Mas como seus verdadeiros planos são descobertos por Batman, só ele e esse recém formado grupo de verdadeiros heróis podem detê-los! Esta história de Grant Morrison é uma das muitas histórias excelentes criadas por um escritor que realmente conhece esses personagens e sabe como usá-los juntos como equipe, essa história foi publicada pela Editora Panini em Liga da Justiça por Grant Morrison Vol.1 – Nova Ordem Mundial.

3) Liga da Justiça, Vol. 1: Origem (Os Novos 52)

O ator Ray Fisher interpretará o personagem Cyborg no filme da Liga da Justiça nos cinemas pode ser apenas uma dica de que o filme da Liga da Justiça irá aderir estreitamente à reinicialização da equipe dos Novos 52. A origem de Cyborg e ele se tornando um membro fundador desta formação, a Liga da Justiça dá a essa história uma grande probabilidade de ser usada para o filme live action. Geoff Johns, conhecido por sua escrita em Lanterna Verde, ele é uma parte importante da máquina DC / Warner Bros, ajudando a orientar uma visão clara do Universo DC para a grande tela. Ele lida com esses personagens se encontrando pela primeira vez lindamente, com cada um tendo lados e posições divertidas no meio de confrontos entre os novos membros da equipe. A edição encadernada da Editora Panini reúne todas as 12 primeiras edições desta série.

4) Liga da Justiça: Torre de Babel

Esta história já foi usada para o filme animado a Liga da Justiça:A Legião do Mal ainda seria um ótimo filme live action. A história em quadrinhos difere de maneiras que tornam a animação live action ainda melhor. Ra’s Al Ghul está montando um grande assalto contra Batman, num esforço para eliminar a raça humana. Em um esforço para distrair o Cavaleiro das Trevas, ele rouba os cadáveres dos pais de Wayne enquanto executa estratégias mortais e efetivas contra cada membro da LJA. Batman tem que lidar com o dreno mental de recuperar seus pais, bem como as consequências ataques que são revelados serem projetados pelo próprio Batman. Essa história é totalmente trazida pela Editora Eaglemoss em sua Coleção de Graphic Novels.

5) Reino do Amanhã

O Reino do Amanhã é a graphic novel mais vendida do aclamado escritor Mark Waid, vencedor de cinco Prêmios Eisner e Harvey. Este conto épico dos Heróis Mais Poderosos da Terra seria ótimo com o tom sombrio e realista estabelecido em O Homem de Aço e o próximo filme Batman vs Superman. A história da aposentadoria da geração mais velha de super-heróis e a falta de moral de uma nova geração são ótimos materiais para filmes. Este conto da LJA tem Superman aposentado em uma fazenda depois de se tornar desiludido com os humanos. Ele observa a distância à medida que a nova raça faz seu caminho. A Mulher-Maravilha lhe pede para se envolver novamente para dar um exemplo de como foi feito nos velhos tempos para o futuro da própria sociedade. Batman sofre de um corpo devastado pela batalha, já escrito na narrativa, dando-nos um Cavaleiro das Trevas mais velho e mais bravo que agora tem que usar um exo-esqueleto para sobreviver nos mostra o quando essa obra prima é maravilhosa. A Editora Panini nos trouxe essa maravilha em uma edição definitiva em 2013.
Via: nerdzoom
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário